Está quase a chegar a maior celebração da música eletrónica.

São muitos os motivos para não perder a 3.ª edição do Lisboa Dance Festival. Durante os 9 e 10 de março, o Hub Criativo do Beato recebe aquele que promete ser a maior celebração da música eletrónica. O Hub Criativo do Beato propõe ser um dos maiores pólos de empreendedorismo e inovação na Europa, com uma forte presença das indústrias criativas que irão poder explorá-lo, de palco em palco, pelas salas mais improváveis, durante os 2 dias de Lisboa Dance Festival.

 

O novo local: O Hub Criativo do Beato é antigo complexo fabril estilo Estado Novo, que foi durante a Guerra Colonial um centro de produção e armazenagem de bens alimentares para as Forças Armadas, situado no Beato – uma das zonas da cidade mais efervescentes, com um forte cunho underground.

Horários dos concertos: Podes consultar o horário de todas as atuações aqui.

Horário da bilheteira no local: Dia 09 | 17h – 03h | Dia 10 | 14h – 03h

Preço dos bilhetes: Bilhete diário 30€ | Passes 45€

Como chegar: Para quem optar por se deslocar de transportes públicos, há 3 autocarros da Carris que param junto ao local, nomeadamente o 718, 728 e o 759. De Carro/ Táxi/ Uber, o Hub Criativo do Beato está a 10 minutos de Santa Apolónia e da Estação do Oriente. Para maior conforto, a KIA disponibiliza o KIA LDF SHUTTLE que vai transportar gratuitamente os portadores de bilhetes/pulseiras do festival de Santa Apolónia ao Hub Criativo do Beato e, no regresso, desde o recinto do festival até ao Cais do Sodré. Esta modalidade funciona nos dias 9 e 10 de março, entre as 18h e as 03h30.

Eat & Drink: Vem cedo e aproveita a praça de streetfood do Eat & Drink no LDF, e desfruta ao máximo o festival. São algumas opções que podes ver aqui.

Eco Copo: Outra das novidades da edição 2018 do Lisboa Dance Festival é o ECO COPO, copos recicláveis, amigos do ambiente. Por 1€, os festivaleiros dizem adeus ao plástico e ainda ficam com uma recordação da maior celebração da música electrónica.

O Lisboa Dance Festival vai espalhar-se por vários espaços dentro do complexo do Hub Criativo do Beato, criando diferentes ambientes para receber os novos artistas, sempre tendo em mente a máxima do festival: um olhar 360º sobre a música electrónica. Desta forma, a organização do festival aconselha os festivaleiros a irem o mais cedo possível para trocarem o bilhete por pulseira e aproveitarem toda a experiência que o festival proporciona.

 

La Bohemie.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *