Há um novo festival de jazz no Alentejo.

A cidade de Évora vai acolher a primeira edição do Évora Jazz Fest, que decorre durante os dias 23, 24 e 25 de março, no Teatro Garcia de Resende. Sempre com um epicentro, a organização pretende criar um círculo onde a fotografia, a formação, a educação, o espetáculo, a pintura e o improviso giram em torno do jazz. Durante três dias, cinco artistas farão parte de um cartaz onde o “o jazz tem a habilidade de absorver e transformar influências dos mais diversos estilos de música”.

 

O Évora Jazz Fest é organizado pela Câmara Municipal de Évora que pretende, numa primeira fase, construir um evento que alie diversas áreas de intervenção, procurando o maior dinamismo possível, dentro de um festival de curta duração e com um espaço físico reduzido. Durante os três dias do evento, o Teatro Garcia de Resende irá acolher os artistas Diego El Gavi, Pablo Lapidusas International Trio (P.L.I.N.T), Gene García e, ainda, as cantoras Mili Vizcaíno e Beatriz Nunes. Além da apresentação de Combos de algumas das mais significativas instituições de ensino portuguesas ligadas ao jazz, haverá Jam Sessions de entrada livre no bar Mói-te, situado no Largo de Alexandre Herculano. Mas não só de música se baseia este festival. O Évora Jazz Fest acolhe, igualmente, dois workshops onde os formadores e o público poderão tirar proveito da partilha de conhecimento e experiências musicais e existirá, por fim, uma exposição de pintura. O Festival assume-se como um projeto onde se sente a experiência de uma vida dedicada à arte.

 

La Bohemie.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *